Volume
Rádio Offline
Redes
Sociais
Joquinha Gonzaga: o herdeiro legítimo do “Rei do Baião”
12/06/2020 23:39 em Notícias

João Januário Maciel Gonzaga, nasceu  no dia  01 de abril de 1952, no Rio de Janeiro, filho de Raimunda Januário (Dona Muniz, segunda irmã de Luiz Gonzaga) e João Francisco Maciel. Muito aproximado do tio famoso, ficou mais conhecido como Joquinha Gonzaga, sobrinho e herdeiro de Gonzagão. 

No final da década de 1940, o “Rei do Baião” formou o primeiro núcleo nordestino no Sul do país, trazendo sua família composta pelo seu pai Januário, sua mãe Santana, suas irmãs Muniz, Geni, Socorro e Chiquinha Gonzaga e seus irmãos Aluízio, Zé Gonzaga e Severino Gonzaga para o Rio de Janeiro. Eles se instalaram em um Sítio em Santa Cruz da Serra, em Duque de Caxias-RJ, mais conhecido como Sítio dos Gonzagas, onde eram realizadas grandes festas como casamentos, batizados, aniversários, novenas etc, sempre com muitos convidados, músicas, comidas típicas nordestinas e a presença de grandes artistas famosos como Marinês, Abdias, Trio Nordestino, Dominguinhos, entre outros. 

         

Foi neste meio que nasceu e cresceu Joquinha Gonzaga, que logo aos 12 anos de idade ganhou do tio uma sanfona de oito baixos (pé de bode). Após dois anos, reconhecendo o talento do seu sobrinho, Gonzagão trocou os oito baixos por um acordeon.  Joquinha começou tocando em festas e forrós no Rio de Janeiro e, posteriormente, viajando por todo o Nordeste acompanhando o tio como músico (sanfoneiro). Joquinha assumiu com muita responsabilidade o sobrenome que imortalizou o tio. Toca sanfona, canta forrós, usa chapéu de couro, e vive da música.  Dos que trabalharam diretamente com Tio Gonzaga só tem vivos ele e Piloto, seu irmão, que tocava zabumba, era motorista e empresário artístico. Trabalharam com ele até sua morte em 1989. Eram os sobrinhos mais próximos de Gonzagão.  

A sua educação artística de Joquinha foi forjada nos conselhos que o tio lhe dava. Na maneira de tocar, ensinava a puxada de fole, que era uma característica dele. Herdou, assim, muitas coisas do tio.           

Joquinha já gravou mais de 10 discos, alguns com a participação especial de Dominguinhos, Genival Lacerda, Santanna e do próprio tio, o “Rei do Baião”. Joquinha diz sempre que jamais lhe passou pela cabeça de também se tornar rei, mas faz questão de se orgulhar da grande família Gonzaga, a qual pertence com muito amor e dedicação.

BAIXE E ATUALIZE SUA PLAYLIST:

As Melhores de Joquinha Gonzaga - https://suamusica.com.br/forrozeirospe/as-melhores-de-joquinha-gonzaga

Joquinha Gonzaga - Caboclo de Fé - https://suamusica.com.br/forrozeirospe/joquinha-gonzaga-caboclo-de-fe

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!